6 Dicas para evitar o Envelhecimento Precoce da Pele

Sabemos, à partida, que todos nos vamos desintegrar um dia e que a velhice é inevitável (pelo menos por agora). Mas, também sabemos que existem cuidados que podemos ter, para retardamos o aspeto caquético e não tão charmoso que nos espera.

Para sabermos exatamente como podemos evitar a envelhecimento precoce, devemos estar cientes de que existem dois tipos de envelhecimento e que cada um tem as suas particularidades:

 

Envelhecimento intrínseco – na teoria, não podemos controlar de forma alguma porque se despoleta independentemente do que se passa à nossa volta. Está estreitamente ligado à genética e à perda de sincronização (cronobiologia – ritmo da pele). Acham mesmo que a vossa pele gosta de jet lag? 😄

 

Envelhecimento extrínseco – é altamente controlável, porque depende de nós. Envolve o tabaco, o stress, a falta de sono, má alimentação, medicamentos, tratamentos anteriores, o sol, a sogra (incrível como o Márcio tem mesmo poucas rugas!), entre outros.

 

Como são muitíssimo exclusivas as marcas que trabalham o envelhecimento intrínseco (se quiserem mais informação contactem-me), vamos cingir-nos ao envelhecimento extrínseco.

Aqui ficam algumas dicas para prolongarem no tempo esse aspeto invejável:

 

  1. Cuidar da pele

Sigam os passos do Tiago Marques e comecem desde cedo a proteger a vossa pele. Limpeza, tonificação e hidratação de manhã e à noite. Lembrem-se que é durante a noite que a pele tem mais espaço para se renovar e, por isso, não precisa do empecilho que são as impurezas que atraíram durante o dia. Para os mais profissionais, nunca dormir com base no rosto!!

Se o creme/loção que aplicam não tem fator de proteção UV, bora lá comprar um protetor solar para o rosto. O sol é amigo das rugas e das manchas.

 
Continuar a ler

“Que produto é este?!”

Recentemente desloquei-me a Aveiro para participar de um evento de formação. Lá obriguei o Márcio a acompanhar-me e a sentar-se na fila da frente, porque conseguiríamos ver mais de perto, alguns dos produtos expostos 😁. Como não éramos os únicos curiosos, o lugar ao meu lado direito foi ocupado rapidamente por um cavalheiro, com quem comecei a debater algumas das características dos produtos. De repente, sou interrompida pelo senhor, que com toda a admiração e surpresa me coloca a seguinte pergunta: “Que produto é este?!”. Depois de lançarmos alguns nomes para tentarmos perceber de qual dos produtos falava, apercebemo-nos que estava a referir-se, literalmente, à mulher (muito bem-parecida) que acabava de entrar na sala. OMG, end of story! -.-“

Esta “confusão” de produtos, embora propositada, fez click no meu cérebro para vos deixar algumas dicas organizadas por zonas:

Continuar a ler

Importância da manicure e pedicure masculina. Tudo o que deves saber!

Para minha satisfação, não há uma semana em que eu não me depare com histórias deveras interessantes sobre o mundo masculino. Quando penso que pouco há a acrescentar sobre as vossas aventuras, escuto frases como “E cortar as unhas é que era!”. Confesso que, quando ouvi este comentário, demorei alguns milésimos de segundo a localizar-me no tempo e no espaço, mas rapidamente percebi que alguém estava num monólogo, enquanto calçava os sapatos… Percebi também que as unhas dos pés do indivíduo estavam uns meros 5 centímetros maiores do que o normal (exagero feminino à parte 😛 ).

Bem, a verdade é que, se estás decidido a cuidar do teu aspeto físico com afinco e dedicação é importante que prestes especial atenção a duas partes do teu corpo, que atraem os olhares de muita gente: as mãos e os pés. Embora possa parecer secundário, ficarias surpreendido com a quantidade de gente que forma a primeira impressão com base nestas duas zonas (eu, culpada!). Para além da higiene, que é fulcral, esta é outra das razões pelas quais saber fazer uma manicure ou pedicure é imprescindível.

 

Como fazer uma Manicure simples e eficiente

Já lá vão os tempos em que para ter umas mãos dignas de apreciação pública era obrigatório sair de casa. Hoje em dia podes fazê-lo desde a comodidade do teu lar. Para tal, basta seguires algumas recomendações:

Continuar a ler